Exame do teste da orelhinha é ofertado através do NASF

19

A Secretaria de Saúde através do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) realizou na última semana 12 testes da orelhinha.
Esta ação foi realizada pela primeira vez no município e tem por finalidade a identificação o mais precocemente possível da deficiência auditiva nos neonatos e lactentes.

Consiste no teste e reteste, com medidas fisiológicas e eletrofisiológicas da audição, com o objetivo de encaminhá-los para diagnóstico dessa deficiência, e intervenções adequadas à criança e sua família.

 

O teste deve ser realizado, preferencialmente, nos primeiros dias de vida (24h a 48h) e, no máximo, durante o primeiro mês de vida, para isso, o fonoaudiólogo coloca um aparelho de Emissões Otoacústicas Evocadas, que produz estímulos sonoros leves e mede o retorno desses estímulos de estruturas do ouvido interno.

A profissional responsável pelos testes realizados no município é a fonoaudióloga Ismênya Diniz.

COMPARTILHAR